sábado, 8 de agosto de 2009

O FUTURO, É JÁ DEPOIS DO AGORA . . .


fotos : paulo

Ele - Pai, o que queres ser no futuro?
Eu - Upsss… , como no futuro…?!
Ele - Sim, no futuro, o que vem depois.
Eu - Lucas, depois de quê?
Ele - Então, depois do agora.
Eu - Lontro, o que acha que eu sou no agora?
Ele - És filho do avô e o meu pai.
Eu – Então, no futuro, vou continuar a ser o filho e o pai.
Ele - E também és meu amigo.
Eu - Olha Lucas, e tu, o que queres ser no futuro?
Ele - Não sei, quero ser teu amigo.
Eu - Está bem…

Ele - Pai, tens a certeza que eu vou chegar ao futuro?
Eu - Claro, se estás no agora…, depois vem o futuro.
Ele - Agora ou depois?
Eu - Depois do agora, continuas e chegas ao futuro.
Ele - E no futuro, tu continuas a ser o meu pai?
Eu - Continuarei sempre a ser o teu pai.

Ele - Falta muito para chegar o futuro?
Eu - Não, o futuro é já agora.
Ele - Então... (???) o futuro é agora, ou é depois do agora?
Eu - Lucas, já me estás a dar um nó cego à conversa.
Ele - Pai, eu não sei o que é um nó cego, mas tu explicas muito bem o futuro. O agora é agora, o futuro é depois do agora, pois é... ?!
Eu – Sim, sim, ainda bem que entendeste.

Ele - Olha, no futuro, assim… mais daqui a bocadinho, não agora, dás-me um Transformer?

Eu - Hããã … !?!?

27 comentários:

ianita disse...

Mas isto para ti é bom... uma vez que o futuro não existe. Quando o "amanhã" chega já não é "amanhã", mas hoje... por isso... só existe o agora.

O futuro só existe na medida em que vive no presente. Tal como o passado. As expectativas que temos influenciam os nossos outros "agoras"...

Por isso, não tens de lhe dar o Transformer ;)

Kisses

Who Am I disse...

Eu acho que ele merece o Transformer no agora e no futuro. Gosto desse teu filho ehehheheh

beijinhos

Missanguita disse...

No futuro, de agora ou daqui a pouco há sempre transformers! :D

cantinhodacasa disse...

rsrsrsrsrsrsrsrs, bom final este da conversa do teu lontrinho.
As fotos estão Excelenteeeeeeees!
A conversa, divinal.
Adorei.
Adorei.
Adorei.

PAULO LONTRO disse...

Ianita,

Descobriste a pólvora, mas deixo-te a tarefa de o convencer disso... boa sorte... vemo-nos no céu...
ciao!
lol...
:)

PAULO LONTRO disse...

WAI,

A pensares assim, tenho a certeza que ele iria gostar muito de ti, também...
;)

PAULO LONTRO disse...

missang,

pois é esse o destino...
não adianta argumentar!
vá para onve vá a conversa, tudo acaba no mesmo...

PAULO LONTRO disse...

cantinho,

lol...
a conversa foi interessante, mas eu cheguei ao fim sem entender se ele entende o futuro, passado e presente...
seja qual for o tempo o tipo deu-me a volta à conversa...
;)

Quase Blog da Li disse...

Nossa...
Que diálogo mais lindo!
Simples, direto, íntimo; como as crianças.
Bem a calhar,
hoje, já passa da meia noite,
aqui no Brasil é o dia dos Pais!
Parabéns pra você
Parabéns ao seu filho
bjs

FATifer disse...

Conversa deliciosa!!

A meu ver o lontrinho merece uma recompensa pelo esforço (um transformer ou não isso é contigo!). Ele pode não ter entendido na plenitude o subtileza dos conceitos de presente e futuro mas que soube usá-la para o seu objectivo é inegável!! ;)

Abraço e obrigado por partilhares connosco estás pérolas,
FATifer

cantinhodacasa disse...

Paulo, tu conheces o teu filho e ele já mostrou que consegue "manipular" os adultos.
Olha, adoro as fotos dele. Tem um rostinho encantador.
Quanto ao transformer, tu só o dás se quiseres...Eles, os miúdos , têm de entender que podem ter quando for o futuro oportuno, rsrsrsrsrs

Ana Camarra disse...

Esses conceitos de espaço/tempo traduzidos em transformers são do melhor que há....

No futuro há sempre um transformer, no futoro breve é um boneco, a meia distância ele deixará de se interessar por transformers, cultivará outros gostos, mais tarde tu continuas a ser pai dele e quiçá avô dos filhos dele que lhe pedem transformers para o futuro...

Já sei que não gostas desta temática, desculpa.

beijos

NI disse...

Mas se tu sabes que ficas sempre a perder, porque continuas a tentar dar a volta ao Lontrinho?

:-)

Dudaninha disse...

Eheheh!

"Blá, blá, blá, blá e então, já me davas era um transformer, não?"

Qualquer dia o transformer sofre um upgrade.
:)

LBJ disse...

Pensa que filho de peixe sabe nadar :))

Puto esperto sim senhor, dá lá o transformer ao rapaz :)

Abraço

Princesa (des)Encantada disse...

Conheço tão bem estas conversas... Fantástico. O meu também consegue sempre incluír um transformers algures.
É muito difícil perceber como passa o tempo nas cabecitas deles. O meu ainda tem dificuldade e a forma como melhor consigo fazê-lo perceber o tempo no futuro é com o jogo do "e depois?". Vou fazendo a história do que ele vai fazer (comer, dormir, brincar, ir à escola, etc), e ele vai pergunatndo "e depois?", até chegar ao momento a que ele quer chegar. Às vezes, se são muitos dias, a coisa torna-se um bocado cansativa. Mas ele fica com uma noção se o tempo que falta é muito ou pouco e isso parece bastar-lhe.

morningstar disse...

LOL

simplesmente adorável!

PAULO LONTRO disse...

LI,

LI, este Lucas é um doido, eu não tenho ritmo para ele, acredita.

Se fores à Etiqueta "Lontrices" podes ver diálogos deste tipo, que guardo desde há 2 anos.

:)

PAULO LONTRO disse...

FAT,

tu já viste a "amostra" ao vivo, logo sabes bem o que sai daquela "entidade"...

Claro que teve o Transformer mas sabes qual foi a resposta...:
Não era esse que eu queria!!!!

Poix...

PAULO LONTRO disse...

Cantinho,

claro que só dou o Transformer se quiser, é que se não fosse assim, teria que comprar um a cada dia...
:)
Nesse aspecto a "coisa" está controlada senão estaria sem dinheiro para comer!

PAULO LONTRO disse...

Ana,

"Já sei que não gostas desta temática, desculpa."

Juro que não entendi bem, podes explicar melhor?

PAULO LONTRO disse...

NI,

Porque se eu não entender as suas manhas, sou sempre levado...
E se eu não o entender e tentar dar luta, quem o fará?

;)

PAULO LONTRO disse...

Dudani,

Até te dava um Transformer... (!?!?)... pelo menos transforma-se... lol...lol...lol...

Quanto aos upgrades, já os estou a imaginar... conquistará outros mundos...!

PAULO LONTRO disse...

LBJ,

Acredita que este peixe deu um filho peixe que nada muito melhor, os tempos são outros...
Mas, ok, sabe bem, ouvir essa frase!

PAULO LONTRO disse...

Princesa Encantada

Bem-vinda.
Pois imagino que entendas bem o que escrevo nesta etiqueta, "Lontrices".
Os diálogos são muitos, alguns surreais.
Eu procuro que seja ele a responder a muitas das perguntas que faz, com a sua resposta, ele dá-me pistas para a minha própria resposta.
Como já escrevi por aqui, o melhor é sondar o "nível" a que está, se por exemplo me faz uma pergunta sobre sexo ou morte ou algo “difícil”, eu sempre lhe pergunta o que ele pensa do assunto, o que acha que é a resposta, se ele me vem com extraterrestres ou transformers eu alinho no "sonho", mas se me responde algo próximo da realidade, se está no bom caminho, eu sempre lhe dou uma resposta com mais dados dos que ele tem no momento, assim aprende um pouco mais.
Não há pais perfeitos e 90% do que fazemos é pura intuição, essa é que é essa...!!!
;)

Aparece sempre Princesa!

PAULO LONTRO disse...

morningstar,

concordo!
kiss star.

:)

Liliana Jasmim Gonçalves disse...

Cá, está ele, o lontrinho fotogénico

e inteligente aahhahahha

(as crianças são uma caixinha de perguntas - para elas, seguramente, o mundo é um lugar estranho)

e, embora possa parecer banal

a questão do tempo (passado, presente, futuro) é um enigma