segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

SENTADA, À TUA ESPERA . . .

.










Prepara-te para a mudança.
Traz as malas e o essencial
De sobrevivência,
Pasta de dentes,
Escova do cabelo,
Apetrechos para fazeres a barba,
Roupa, sapatos
E os óculos.

Traz amor e vontade de foder
Mistura-os e dispõe-nos
Em camada intercaladas.
Não leves ao forno,
Deixa-o ao ar
Até que atinja o ponto.

O ponto de não retorno…




poesia:Paula Raposo

7 comentários:

Rita da Maçaroca disse...

Excelente!
Amei os pormenores dos corpos das mulheres em todas as fotos. A atitude, a pouca ou nenhuma roupa. Transborda sensualidade :)

Beijinhos*

Maçã e Canela disse...

Bem...estou sem palavras.
F******

cantinhodacasa disse...

Ai, Paulo.
E uma mulher desespera, sentada à espera...
Beijinho

Rui da Bica disse...

Loool
Palpita-me perda de audiência(feminina), mas isto sim, isto é que são 2ªs Feiras !...
O pior é que elas são tantas e se eles corresponderem ao apelo, estamos feitos !
:))
.

Vício disse...

UAU!!! que... cadeiras!

Isabel Rodrigues disse...

Tens sempre umas fotos muito interessantes, e este texto fica a matar.

Who Am I disse...

Traz amor e vontade de foder
Mistura-os e dispõe-nos
Em camada intercaladas.
Não leves ao forno,
Deixa-o ao ar
Até que atinja o ponto.

isto é a receita do bolo bolacha?

ihihihi

fotos de muito bom gosto...como sempre!